Ganesha Gold

Como começar a empreender? Estudo de mercado e planejamento financeiro são essenciais, diz consultor

Abrir um negócio exige estudos de mercado, organização financeira e busca por diferencial

Saber qual atividade seguir, estudar o mercado e ter um planejamento financeiro sólido são algumas das características necessárias para começar a empreender de forma segura. A variedade de opções de investimento pode fazer com que o potencial empreendedor se sinta perdido, mas com calma e planejamento é possível estabelecer um negócio estruturado e pronto para escalar.

PUBLICIDADE

Segundo Leandro Reale, consultor de negócios do Sebrae-SP, um dos pontos mais importantes antes de começar a nova empreitada é buscar um propósito na nova empresa para se diferenciar no mercado. E para isso é preciso compreender o cenário em que o novo empreendimento irá se inserir.

“É preciso entender como funciona esse mercado. Entender quais as reais necessidades dos clientes, o que os concorrentes já oferecem e qual é o prazo e o preço dos negócios”, afirma Reale. “Ter um propósito é importante para se diferenciar no mercado”, completa.

Proatividade e organização são fundamentais para o empreendedor Foto:Mary Long - stock.adobe.com

Durante esse processo, é importante estudar a área de mercado em que se irá atuar, entender quem são os seus concorrentes, os prazos para compra e venda de produtos e matérias-primas, além de conhecer e estudar a fundo os fornecedores.

“A partir daí, o empreendedor começa a ter uma noção melhor de estrutura para manter o negócio”, diz Reale.

Análise de mercado ajuda na estruturação financeira

A partir da análise de mercado, o empreendedor passa a ter uma estimativa mais precisa do dinheiro que irá precisar para começar a operação. Parte dessa preparação inclui o necessário para o investimento inicial, incluindo os valores para fluxo de caixa e gastos mensais, assim como uma estimativa das receitas que planeja ter.

Para ter esses valores estimados, o empreendedor pode conversar com colegas concorrentes, fazer pesquisa de mercado e ouvir entidades de apoio ao empreendedor, como o Sebrae.

Publicidade

“Fazer uma previsão de receita é fundamental. Muitas pessoas começam o negócio só com o dinheiro para a abertura e depois não conseguem se manter”, afirma Reale.

Com base nas informações colhidas, já é possível organizar um plano de negócio, com os dados necessários para estruturar a operação da empresa em diferentes frentes. Confira aqui como criar o seu próprio plano de negócio.

Ter um perfil empreendedor é essencial

Além de fazer o planejamento financeiro e estruturar o modelo de negócio, é importante que o empreendedor analise se seu próprio perfil está alinhado com as exigências de um negócio próprio.

Ser proativo e ter controle sobre as operações são alguns dos pontos fundamentais para quem deseja empreender, por exemplo.

“Se a pessoa é empregada em uma empresa, ela tem outros colegas que vão fazer parte das coisas. Quando essa pessoa empreende, ela vai fazer tudo. Vai comprar, vai vender, vai organizar, vai fazer o fluxo de caixa. A organização é muito importante”, diz Reale.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Ganesha Gold.

Ganesha Gold Mapa do site